AKAGUMI vence o primeiro do ano… no Robertinho!

Foi o que ocorreu em um Kouhaku Utagassen de formato diferenciado no conteúdo, também para se comemorar o aniversário do realizador, maestro Robertinho Suguimura, que abriu mão de presentes em troca de fraldas geriátricas para doá-las a uma instituição beneficente, transformando sua festa nessa competição tradicional, saudável, entre amigos cantores, no dia 12 de janeiro de 2020, no sítio de propriedade de Amélia Anzai, que também foi uma das anfitriãs do dia.

Amélia Anzai, ao fundo, como a primeira cantora do dia
(foto: Yutaro Kimura)

Foram noventa e quatro amigos cantores que participaram, que revela o prestígio que o maestro goza perante a comunidade musical da comunidade, até porque todos estavam gabaritados a cantarem com banda, que é o formato dos eventos dele. Ou seja, repleto de cantores campeões dos grandes concursos de karaokê que ocorrem ao longo do ano.

Além disso, como devido à época não tinham datas para ensaios, a grande maioria, 60 dos 94, participaram sem ensaio nenhum. Inclusive as bandas, duas, que foram formadas espontaneamente, a convite dele, por amigos músicos vindos de todas as da comunidade, como da NAK, CMU, 415, The Friends, Sakura, além de da dele próprio, a Blue Star. Ou seja, também os músicos não ensaiaram, além de nunca terem tocados juntos, e que atenderam ao pedido do maestro em consideração também à ação beneficente dele.

Mesmo nessas condições, pela qualidade dos cantores e músicos, nenhum cantor teve participação comprometedora, ao contrário, cumpriram muito bem suas performances. O placar final foi 94 a 76 para equipe feminina que venceu de ponta a ponta, do começo ao fim, apesar do “dedo” do maestro para tentar reverter o placar. “Como já no começo a equipe feminina estava vencendo, achando que fosse devido ao primeiro grupo de jurados ter sido só com mulheres, pedi à comissão para que o segundo fosse só com homens para darmos uma virada no placar… Opa?”, acabou se entregando, Robertinho, com um sorriso maroto. “Mas não adiantou nada, né”, completou ao final da disputa, agora com um sorriso mostrando o verdadeiro sentido da festa.

JURADOS
1º grupo: Keiko Tanaka, Reiko Motomura, Tania Suguimura e Akemi Okamoto
2º grupo: Mitio Miyamura. Lincon Hayashi, Fernando Konigame e Silvio Sano
3º grupo: Leni Yamashita, Tina Hirano, Mário Koba e YutaroKimura
Contagem: Momose Hirose e Leni Yamashita

Assim, nesse clima transcorreu toda a festa, e com mais um diferencial porque os participantes, muito antes de cantarem, ou muito depois de cantarem, dentro do espírito de confraternização, permaneciam no local, dando a impressão de ambiente lotado, alegre e festivo o tempo todo. O evento começou às 10h e se encerrou, efetivamente, às 22h.

À frente, Yukiko Urata, 103 anos, que também cantou.
Músicos, em um momento de descontração, num dos intervalos
A cozinha também estava lotada.
O Kouhaku começa a animar com as coreografias
Também com performances espontâneas,
no caso, da profa. Tereza Kato, na vez de Nakamura-san

Logicamente, houve uma interrupção para se realizar a esperada comemoração de aniversário do maestro Robertinho, com os tradicionais “Parabéns a Você!” e o “Pique, pique!”

E depois, rapidamente, a sequência do Kouhaku que começava a se atrasar.

Maestro Robertinho Suguimura, em primeiro plano
Momentos extremos porque se apresentaram as mais novas cantoras, Emily Arakaki (4), Aiko Arakaki (10) e a mais idosa, Yukiko Urata (103).
As meninas das coreografias…

Ao final, foram arrecadados 125 pacotes de fraldas, mais lenços umedecidos, arroz e até caixa de sabonetes que foram entregues à Ikoi no Sono, no dia seguinte mesmo, à Marta, responsável administrativa da instituição. “Amélia e eu, agradecemos a todos que participaram do kouhaku/aniversário e que nos trouxeram as doações para entregarmos, em nome de todos, à Ikoi no Sono; e também a todos os cantores, músicos e às meninas das coreografias que deram mais alegria e beleza às apresentações dos cantores”, encerrou, Robertinho, feliz com o resultado de mais um festa de aniversário beneficente dele.

AMélia Anzai e Hisayo Suzuki, fazendo a entrega das doações à Ikoi no Sono

Be the first to comment on "AKAGUMI vence o primeiro do ano… no Robertinho!"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*