CORONAVÍRUS E KARAOKÊ

Senhores Associados

      Considerando:
            ⁃           Aumento de casos confirmados com Coronavírus (COVID-19) no Brasil, em particular no Estado de São Paulo;
            ⁃           O conhecimento de que a epidemia tende a piorar nos próximos meses;
            ⁃           A veiculação das diversas maneiras de enfrentamento do problema  pelas entidades;
            ⁃           Os mais diversos e controversos posicionamentos sobre o problema;
            ⁃           As recomendações técnico-legais  para cancelamento de eventos e isolamento de pessoas;
            ⁃           O receio demonstrado pelos cantores nos  taikais realizados recentemente, mesmo com a adoção de medidas profiláticas,

A UPK vem, por meio deste, recomendar às Associações o  cancelamento/adiamento dos eventos de karaokê programados para pelo menos os próximos 30 dias, cabendo a decisão final para cada associação ou regional.
Desta forma, entendemos estar contribuindo para minimizar a amplitude da transmissão, reduzir o sufocamento do sistema de saúde e, principalmente, preservar a saúde das pessoas, especialmente nos segmentos mais vulneráveis. 
Estaremos em constante avaliação da situação através do comitê de crise da UPK, composto por mim, pela vice-presidente,  Dra. Tiyomi Takase, médica e por Akemi Okamoto  diretora , advogada e sanitarista para atualizá-los sobre as futuras recomendações.

Atenciosamente

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é PedroMizutani-site.jpg
Pedro Mizutani
Presidente da UPK,
União Paulista de Karaokê

1 Comment on "CORONAVÍRUS E KARAOKÊ"

  1. Particularmente acho que deve adiar todos os eventos por tempo indeterminado ate que que esse corona virus acabe , ja muitos foram adiadas

Leave a comment

Your email address will not be published.


*