O 1º Tanabata Matsuri Virtual – Yorokobi é bem sucedido!!

Em tempo de Tecnologia da Informação (TI), duas semanas foram suficientes para a comissão organizadora, montada às pressas, realizar esse 1º Tanabata Matsuri Virtual SP ABC – Yorokobi, no dia 12 de julho de 2020, e ainda obter sucesso graças ao atual poder de comunicação das redes sociais.
Quando os jovens vieram me propor essa realização, no começo imaginei que fosse apenas um teste de tecnologias para futuros grandes eventos virtuais devido à situação do momento”, explicou Kunime Iwamoto, presidente do Rengokai SBC, ainda admirado com o sucesso obtido. “Como meu papel é incentivar as iniciativas dos jovens e, para esse, queriam experimentar o Youtube + Zoom + Google, falei-lhes para irem em frente”, complementou.
As duas semanas tem a ver com a fonte de inspiração que foi o 1º Tanabata Matsuri On Line Oriente-Se, realizada pela pequenina comunidade nipo-brasileira de Aracaju. “A inspiração veio de lá, onde tem apenas 15 famílias e foi realizada no dia 5 de julho, uma semana antes do nosso”, revelou Harumi Okino, a idealizadora deste. “Passaram-me o contato da Simone  Kameo, uma das organizadoras de lá, que foi aluna de mestrado e doutorado de minha prima, da USP de Ribeirão Preto. Conversando com ela, soube que fariam o evento com apenas quatro pessoas organizando”, prosseguiu. “Mesmo sendo enfermeira, e o marido, médico, sem muito tempo, resolveram realiza-lo apenas para alegrar a comunidade local. Daí pensei, com tanta gente aqui pra ajudar… dá para fazermos também!”, se convenceu dessa possibilidade aqui.

A partir daí ela foi atrás do pessoal que tinha certeza que a apoiaria, como o presidente do Rengokai que convidou Alexandre Ochiai, que já tinha organizado o I FIB ABC e Melissa, ambos que tinham melhor domínio dessas ferramentas. Depois, como apoio técnico cultural, juntaram-se a eles Noriko Fujimoto, Sayuri Tsutiya, Márcio Sbrana e Rosana Sasaki, compondo assim a Comissão Organizadora.

foto-montagem: Rosana Sasaki

Nesses poucos dias começou então a busca pelas atrações. Graças ao conhecimento paralelo dos membros da comissão e do efeito atual da internet, rapidamente atingiram número suficiente para realiza-lo até se surpreenderem com os números finais a dois dias de sua realização.
Na última semana, com divulgação via próprios convidados especiais nas redes sociais, a repercussão foi se tornando tamanha que os próprios membros da comissão começaram a ficar preocupados. “Realmente ficamos assustados, porque a partir das inúmeras postagens que publicamos, aumentando muito a procura de interessados a participar, achamos melhor então limitarmos o número, principalmente, o dos cantores”, confirmou Harumi.

Foram mais de vinte atrações da cultura japonesa diferentes, mais de cinquenta cantores de karaokê e com algumas atrações até mesmo de fora do país, como Robertinho Casanova e Mika da Silva, do Japão, que gravaram especialmente, ao evento. A enorme quantidade de postagens no Chat, praticamente todas elogiosas, comprova o sucesso obtido por essa realização, mesmo tendo ocorrido um imprevisto que causou atraso de pouco mais de uma hora na programação.
É que estava programado para tudo ser irradiado a partir da associação ACREPA, na Vila Paulicéia, uma das do Grande ABC. Apesar de terem chegado bem cedo ao local, pela manhã, constataram que o Wifi da associação estava com problemas. Por isso tiveram de procurar outro local para essa realização. Já tinham perdido muito tempo e ainda, em plena pandemia, tudo ficara mais difícil. Até que, por fim, tiveram a felicidade de poderem utilizar o da Associação Bunka Santo André, deslocando todo o pessoal rapidamente para lá.

Como o número de atrações era muito grande, para não atrasarem mais, acharam mais conveniente começarem efetivamente o evento e não mais justificarem a razão do atraso ao grande público que já aguardava ansioso, conforme podia se constatar pelos comentários, num Chat sem reclamações.

Pela grande variedade de atrações, com convidados especiai mirins, trazidos pela professora Sayuri Tsutiya, como as crianças dos The Voice Kids (Guilherme Kawakami Melissa Uehara e Enzo Zakimi), Raul Gil (Karen Taira), além dos grandes campeões de Paulistão e Brasileirão de Karaokê, como Isa Toyota, Alexandre Hayafuji, Susana Sano e Nobuhiro Hirata, conforme o evento ia se desenvolvendo, os problemas iniciais iam sendo esquecidos e minimizados.

O que contribuiu também foi o Concurso de Cosplays, com prêmios em dinheiro, que interagia com os internautas porque a escolha dos vencedores cabia a eles. Ao final, os premiados foram, na categoria adulto: Adriana Akie Akatsuka (Chun Li), campeã, e Ingrid Ledel (Hakuro), vice-campeã; e na categoria mirim: Isabele Sayuri Silva Yanaka (Chun Li), campeã, e Gabriela Triches (Sakura Card Captor), vice-campeã.

Alexandre Ochiai, com Luis Cosplay no comando do concurso
Categoria Adultos
Adriana Akie Akatsuka (Chun Li), campeã
e Ingrid Ledel (Hakuro), vice-campeã
Categoria mirim
Isabele Sayuri Silva Yanaka (Chun Li), campeã
Gabriela Triches (Sakura Card Captor), vice-campeã.

Por isso, mesmo encerrando com duas horas de atraso além do programado, ainda assim o Chat comprovava a presença de muitos espectadores até o final, com comentários que indicavam apenas satisfações pelo que tinham assistido.
Pois é. Ainda consideramos que temos muito a aprender no que se refere à tecnologia, mas o resultado deste já indica que a pandemia não será obstáculo para realização de outros grandes eventos culturais virtuais a partir dessa Comissão Organizadora, que tenho só a elogiar, como também pela dedicação que até os fizeram perder dias de sono”, finalizou brincando, mas de forma realista, Kunime Iwamoto, presidente da Rengokai SBC.

Kunime Iwamoto, presidente do Rengokai SBC,
no encerramento

Gratidão!! Quero resumir nesta palavra a realização desse evento. Gratidão a todos que participaram e colaboram em cada detalhe do Evento! A proposta inicial era muito simples e humilde. Por falta de tempo, queríamos apenas fazer uma festa para alegrar a comunidade local. No momento que tomou essa enorme proporção pudemos contar com o Rengo Kai, pelo presidente  Kunime Iwamoto, que nos proporcionou a estrutura necessária“, começou a finalizar sua participação, a idealizadora Harumi. “Gratidão a todos de nossa Comissão Organizadora. Gratidão a todos os participantes que nos atenderam prontamente. Gratidão pelo apoio da UPK, nas pessoas de Tiyomi Takase, Pedro Muzutani e Claudio Tsutiya. E Gratidão, principalmente ao Bunka de Santo André, que nos deu o socorro naquele momento crucial. Erramos bastante, sim, mas também aprendemos bastante com os erros! Por isso, os próximos serão melhores!! Gratidão, Galera! Muito bom ter contado com vocês!“, concluiu, garantindo animada.

A Comissão Organizadora informa que para assistirem ao evento, que permanece gravado no Youtube, basta procura-lo pelo próprio título do evento ou pelo link: https://www.youtube.com/watch?v=SoW5tDOuaGU&t=16281s Bem como, estarão postando individualmente na página de mesmo nome, Tanabata Matsuri Virtual Yorokobi, no Facebook.

Programação
Kendo Koukushikan
Tutorial Kendo – Shoichi Hirano sensei
Ishin Yosakoi Soran
Coral da Associação Santo André
Taiko Grupo Wado, de Salvador
Taiko da Associação Mizuho, com seus membros
simulando as batidas do Taiko com objetos domésticos
Mestre Akira Saito (Saito Academy)
ensinando e mostrando a importância da respiração
Flauta com Juliana Suzuki e Shakuhachi, com Yamaoka Sensei
Aulas de Culinária, pela Chef Helena Ishikawa,
e de Ikebana, pela profª Toshiko Matsuda
Dança de Salão, Christian Chinen
Tutorial para busca e edição de playback
e em tom correto, por Sayuri Tsutiya
Silvio Sano, que se apresentou às suas palestras,
sorteou 3 exemplares de seu livro
Kontos, Krônicas e Kanções, aos internautas.
Mais atrações especiais: 1.A Bela e a Fera (com Pedro Mizutani e Akemi Okamoto)
2. Rick Akio; 3. Pedro Mizutani e, 4. Alexandre Hayafuji
E mais crianças:
Irmãs Aiko e Emily Arakaki (1 e 2), 3. Irmãos Shiba e
4. Emanuelli Sayuri Trindade Sugayama (PR)

E muito karaokê, com participação de mais de 50 cantores, além dos convidados especiais.

Satie Akamine sensei, Issamu Music e Terumi Takano sensei
Alexandre Ochiai e Rosana Sasaki
encerrando o evento

2 Comments on "O 1º Tanabata Matsuri Virtual – Yorokobi é bem sucedido!!"

  1. Gratidão !! Quero resumir nesta palavra a realização desse evento. Gratidão a todos que participaram e colaboraram em cada detalhe do mesmo. Foi uma correria! Uma loucura! Mas quem tem amigos tem um imenso tesouro. Assim expresso Gratidão a todos pelo apoio que recebemos de vocês, cantores (as)… astros e estrelas, todo pessoal das artes e da cultura japonesa… e principalmente a você, Silvio Sano, que nos últimos minutos, conseguiu fazer chover grandes estrelas em nosso 1º Tanabata Matsuri Yorokobi SP ABC. Obrigada de coração; veio no momento em que eu já estava exausta, mas você me passou a confiança de que seria um sucesso!! A proposta inicial era muito simples e humilde, até por falta de tempo. Queríamos apenas fazer uma festa para alegrar a comunidade local… mas no momento que tomou essa enorme proporção, pudemos contar com o apoio do Rengo Kai através do seu presidente, Kunime Iwamoto, que abraçou a ideia e nos proporcionou a estrutura necessária. A vocês, essas amigas Maravilhosas, Noriko Fujimoto, Rosana Sasaki, Sensei Sayuri Tsutiya, rendo-me a todas! Gratidão por responderem prontamente ao convite para desenvolver esse evento; e aos jovens, Melissa Goto, Alexandre Ochiai, Jacque Hokino e Luís Cosplay! Admirável o talento de vocês e toda minha Gratidão por usar todo o conhecimentos de vocês a fim de tornar possível a realização desse evento inédito. Gratidão pelo apoio da UPK (União Paulista de Karaokê), nas pessoas de Tiyomi Takase (presidente em exercício), Pedro Muzutani e prof. Claudio Tsutiya, pelas palavras de incentivo, apoios que nos deram enorme gás para fazermos dar certo esse 1° Tanabata Virtual. Gratidão também a todos do Bunka de Santo André, que nos deram socorro no momento crucial, abrigando-nos no kaikan para podermos rodar o evento. Sem tudo isso não seria possível fazermos acontecer!! Erramos bastante, mas também aprendemos bastante com os erros!! Os próximos serão melhores!! Gratidão, Galera!! Muito bom ter podido contar com vocês!!

  2. Muito obrigada a todos! Sou a primeira não-nikkei da Baixada Santista (nascida em Santos) a cantar minha música predileta, “Genkai toppa x survivor”, do cantor japonês Hikawa Kiyoshi, de quem sou muito fã. O grande motivo disso é que o próprio Hikawa, graças ao clipe que ficou em primeiro lugar nos trending topics mundiais do Twitter, e que teve 1 milhão de visualizações no YouTube em 10 dias (desde 18 de julho de 2019), apresentou essa música no 70º NHK Kouhaku Utagassen e a apresentação foi um sucesso! Por isso que tenho tamanha gratidão a vocês e ao próprio Hikawa! Gratidão!

Leave a comment

Your email address will not be published.


*